Consumo de gás cresce 7,19% em 2017

Notícias

Entre os segmentos de consumidores, a geração elétrica teve o maior crescimento anual, de 37,8%, enquanto o segmento comercial foi o único a apresentar queda, de 6,08%

O consumo de gás natural registrou elevação de 21,06% em dezembro do ano passado, ao registrar
70,682 milhões de m³/dia ante 58,384 milhões de m³/dia do mesmo mês do ano anterior. No ano, o
aumento foi de 7,19%, de 61,437 milhões de m³/dia para 65,853 milhões de m³/dia. No entanto, na
comparação entre dezembro e novembro do ano passado – quando foram consumidos 74,976 milhões
de m³/dia -, houve queda de 5,73%, de acordo com dados divulgados pela Abegás nesta quinta-feira
(15/2).
O consumo para geração elétrica dobrou em dezembro de 2017, saltando de 16,077 milhões de m³/dia,
em dezembro de 2016, para 32,176 milhões de m³/dia, em consequência do aumento do despacho
termelétrico, ocorrido em função do baixo nível dos reservatórios das hidrelétricas. No acumulado do
ano, este segmento registrou elevação de 37,8%, ao sair de 18,942 milhões de m³/dia para 26,118
milhões de m³/dia. No comparativo do último mês do ano com relação a novembro – quando o consumo
foi de 33,966 milhões de m³/dia -, houve queda de 5,27%.

Indústria registra alta de 2,21%

O segmento industrial registrou alta de 2,21% no consumo de dezembro, ao atingir 25,661 milhões de
m³/dia ante 25,106 milhões de m³/dia no último mês de 2016. No acumulado de 2017, a elevação
registrada foi de 3,28%, ao sair de 26,213 milhões de m³/dia para 27,074 milhões de m³/dia. Com relação
a novembro (quando foram consumidos 28,026 milhões de m³/dia), houve retração de 8,44%.
Por sua vez, o segmento automotivo, via gás natural veicular (GNV), registrou elevação de 11,57% no
consumo de dezembro do ano passado, ao sair de 5,461 milhões de m³/dia para 6,092 milhões de m³/dia.
No total de 2017, o GNV registrou variação positiva de 8,74%, passando de 4,962 milhões de m³/dia para
5,395 milhões de m³/dia. Considerando-se a comparação do último mês de 2017 com novembro (5,589
milhões de m³/dia), houve alta de 9%.
O consumo residencial cresceu 5,56% em dezembro de 2017 em relação a igual mês do ano anterior,
saindo de 1,140 milhão de m³/dia para 1,203 milhão de m³/dia, em média. No ano passado, o segmento
consumiu 1,177 milhão de m³/dia contra 1,110 milhão de m³/dia em 2016, o que representa um aumento
de 6,02%. Com relação a novembro, quando foram consumidos 1,182 milhão de m³/dia, houve elevação
de 1,81%.
O segmento comercial, por sua vez, registrou queda de 3,84% em dezembro, saindo de 872 mil m³/dia, de
dezembro de 2016, para 838 mil m³/dia. No acumulado de 2017, a retração foi de 6,08% caindo de 829
mil m³/dia para 779 mil m³/dia de gás natural. Comparando-se dezembro do ano passado com o mês
anterior, quando foi registrado 793 mil m³/dia de consumo, houve aumento de 5,73%.
A cogeração registrou crescimento de 21,07% no consumo no último mês do ano passado, quando
registrou 2,984 milhões de m³/dia ante 2,464 milhões de m³/dia do mesmo mês em 2016. No acumulado
de 2017, houve aumento de 11,63%, subindo de 2,374 milhões de m³/dia para 2,650 milhões de m³/dia.
Quando comparando dezembro de 2017 com o mês anterior (consumo de 3,059 milhões de m³/dia),
ocorreu retração de 2,48%.

Brasil Energia, publicado em 15/02/2018