Como é calculada a sua conta de gás

Sua conta é calculada com base na fórmula:

Para a tarifa de clientes residenciais individuais existem 8 faixas de consumo determinadas pela Arsesp (Agência Reguladora de Saneamento e Energia do Estado de SP, que regula, controla e fiscaliza os serviços de fornecimento de gás canalizado).

Cada faixa de consumo (em m³) tem um termo variável (em R$) correspondente.

Para calcular o valor da conta, multiplica-se o volume consumido em cada faixa de consumo pelo termo variável correspondente e somam-se os resultados, conforme o exemplo a seguir:

Confira no exemplo a seguir um cálculo Pró-Rata

Pró-Rata significa “proporcional”. É um cálculo utilizado quando há reajuste tarifário. Nesse caso, o cliente terá a conta calculada com parte da tarifa anterior e parte da nova tarifa.

* Cálculos tendo por base as tarifas publicadas pela ARSESP. Os Valores incluem ICMS, PIS e COFINS.
** O cálculo a seguir é referente ao seu fornecimento de gás, podendo haver outras cobranças como multa, juros, parcelamento, equipamentos, etc.
*** O termo variável ou contas pró-ratas levam em consideração duas ou mais portarias e os dias de consumo de cada uma

ICMS

Para calcular o ICMS, a Comgás cumpre um convênio interestadual e um decreto estadual que reduz a alíquota de ICMS das contas de gás de 18% para 15%. Para calcular quanto você paga de ICMS, basta multiplicar o valor de seu fornecimento por 15%.

Exemplo:

* A partir do dia 01/04/2017, a base de cálculo do ICMS passou a conter as alterações promovidas pelo Decreto Estadual nº 62.399/2016.

Juros e Multa

Caso você atrase o pagamento da sua conta, não importa por quanto tempo, ela terá uma multa de 2% sobre o valor pago em atraso, mais juros de 1% ao mês, ou 0,033% por dia de atraso.



Exemplo:

PIS e Cofins

O PIS e o Cofins são impostos federais, suas alíquotas são 1,65% e 7,6%, respectivamente, calculados sobre o valor total do fornecimento de gás. Para calculá-los, basta multiplicar a porcentagem equivalente pelo valor do fornecimento.


Exemplo:

Primeira e Última Conta

Para a primeira e última conta, o valor cobrado de fornecimento é proporcional à quantidade de dias faturados. A primeira conta pode ser emitida entre 15 a 45 dias e a última conta (residual) é emitida com a data de desligamento do gás.

Confira como deve ser realizado o cálculo se a sua conta tem apenas a cobrança de termo de fixo (sem consumo de gás):



Exemplo 1:
Conta de 45 dias com consumo de 0 m³
R$ 9,82   ÷   30 dias = 0,3273
0,3273   X   45 dias = R$ 14,73

Exemplo 2:
Conta de 15 dias com consumo de 0 m³
R$ 9,82   ÷   30 dias = 0,3273
0,3273   X   15 dias = R$ 4,91

Exemplo 3:
Conta de 5 dias com consumo de 0 m³
R$ 9,82   ÷   30 dias = 0,3273
0,3273   X   5 dias = R$ 1,64